A consulta homeopática

A consulta homeopática estruturalmente não se difere da consulta médica de outras especialidades. Mas determinados aspectos merecem algumas considerações.

Revendo conceitos

O princípio da semelhança “similia similibus curantur”, ou seja, semelhante cura o semelhante, é um dos princípios básicos da Homeopatia. Na visão homeopática, apenas o medicamento que produz sintomas semelhantes ao que o paciente apresenta será capaz de curá-lo.

Samuel Hahnemann (1755 – 1843), médico alemão que criou e desenvolveu todo o pensamento homeopático, chegou à essa conclusão após experimentar o medicamento China também conhecido como quinino e utilizado no tratamento da malária. Nas primeiras horas após ingerir o medicamento ele, que não estava doente, manifestava todos os sintomas que uma pessoa acometida pela doença normalmente apresentava. Algum tempo depois os sintomas desapareciam e voltariam a aparecer no dia seguinte quando ele ingeria novamente o medicamento.

A partir dessa primeira experimentação (1790), ele passou a testar outros medicamentos conhecidos e utilizados naquele período. Após cada experimentação ele e seus discípulos, todos saudáveis, anotavam detalhadamente todos os sintomas que surgiam após a ingestão de cada substância. E assim, a ação dos medicamentos foi sendo conhecida permitindo que esses remédios fossem utilizados nos casos que mais se assemelhassem a eles.

A conversa inicial

Transportando essas informações para a consulta homeopática, fica claro como todos os sintomas, sejam eles físicos e mentais ou emocionais, são importantes no processo de seleção do remédio homeopático. O médico homeopata formará o quadro total de sintomas de cada paciente a partir de todas suas queixas.

Um pouco diferente da medicina tradicional ou alopática, na Homeopatia não necessariamente será usado o mesmo remédio para as pessoas que estejam com a mesma doença. Cada um apresentará um quadro de sintomas de acordo com a sua individualidade e responderá melhor com o medicamento que for o mais parecido com ele e com seus sintomas naquele momento.

O medicamento que mais se aproxima de cada indivíduo é chamado de “simillimum” ou “medicamento de fundo” dentro da Homeopatia. Isso não significa que apenas um medicamento será usado ao longo da vida do paciente em todos os seus processos de adoecimento. Cada quadro poderá exigir medicamentos específicos de acordo com as características pessoais e realidades de vida em cada espaço de tempo.

A conversa inicial, também chamada de anamnese, torna-se extremamente importante na coleta e caracterização de cada sintoma. É nessa parte da consulta que o médico homeopata também colhe informações no que se refere à história de vida do paciente bem como de sua família. A duração dessa parte da consulta homeopática é normalmente maior do que em uma consulta tradicional, pois é aqui que todos os aspectos individuais do paciente serão abordados.

Finalizando a consulta

Dando continuidade ao atendimento, a consulta médica homeopática é também composta pelo exame físico e pela tomada de decisões quando se prescreve o medicamento homeopático e solicita-se exames nos casos em que se fizer necessário.

O exame físico complementará os dados colhidos na anamnese possibilitando uma visão ainda mais ampla do caso.

Todos os sinais apresentados pelo paciente são partes do todo, do quadro completo de adoecimento. O médico homeopático trabalha no sentido de unir e dar sentido ao grupo de queixas apresentadas e aos fatos que fazem parte da história de vida do paciente nesse momento em que seu estado de saúde está alterado. Essa será a base para a busca de um remédio que se transforme em um verdadeiro medicamento e possa ajudar o paciente em todos os seus sofrimentos. Usando as palavras escritas por Hahnemann no parágrafo 6 do livro Organon, a arte de curar “… Todos esses sinais perceptíveis representam a doença em toda sua extensão, isto é, juntos formam a verdadeira e única imagem concebível da doença”

Gostou? Compartilhe!

Sobre o Autor: Angélica Pacheco

Angélica Pacheco

Graduação em Medicina IMEPAC
Especialista em Homeopatia pela AMHB
Tutora do Curso de Especialização em Homeopatia de Londrina – CEHL
Pós graduação em Dermatologia pela Faculdade Ciências Médicas – MG
Pós graduação em Dermatologia com Ênfase em Cosmiatria pela Faculdade de Ciências Médicas – MG
Graduação em Fonoaudiologia – PUC Campinas
Graduação em Música – Unicamp
Atualmente consultório particular em Homeopatia e Dermatologia.

  • Angélica Pacheco

  • Rua Rafael Marino Neto, 222 – Karaíba

  • AGENDE SUA CONSULTA